Habittus

Como Funciona O Hunting De Profissional De Ti?

Como funciona o hunting de profissional de TI?

5/5
Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp
Tempo de leitura: 3 minutos

O profissional de TI é indispensável para diversas operações tecnológicas do mercado. Ele pode ser o responsável pela construção de um site, pela criação de um programa de gestão de funcionários, clientes, e até mesmo pelo controle de vendas, estoque e emissão de notas fiscais da sua empresa. Por isso, muitas empresas querem garantir os melhores profissionais de TI possíveis. Se esse é o seu caso, você veio ao lugar certo. Neste artigo, você vai descobrir como funciona o hunting de profissionais da área de TI:

  • Quais são as dificuldades no recrutamento de profissionais de TI?
  • Como funciona o hunting de profissionais de TI?
  • 3 Dicas para um hunting de TI de sucesso!

Quais são as dificuldades no recrutamento de profissionais de TI?

A maior dificuldade que poderá ser encontrada para recrutamento dos melhores profissionais de TI para sua empresa é a concorrência. Afinal, outras empresas estão buscando essas mesmas pessoas! Por quê? Simples: além de exercerem funções indispensáveis como mencionado anteriormente, colaboradores da área de TI também podem fazer parte de vários setores como gerentes, coordenadores, líderes etc.

Essa situação vale tanto para processos seletivos tradicionais, em que você abre uma vaga e aguarda a chegada dos currículos dos interessados, quanto para o hunting, em que você vai atrás dos profissionais em que está interessado.

Então, saiba que além de considerar as vantagens de ter um colaborador da área de TI na sua equipe ou em determinada tarefa, pense no que sua empresa oferece para que ele a escolha. Inclusive, uma boa relação de trabalho é aquela em que todos estão satisfeitos.

Como funciona o hunting de profissionais de TI?

Você percebeu que precisa de um profissional de TI na sua empresa. Só que você quer um especialista, o que significa que você vai atrás do profissional e não o contrário. Se sua empresa possui um departamento de RH, você pode optar por deixá-los encarregado do assunto. Entretanto, se você acha que seu departamento de RH já está sobrecarregado ou não tem experiência com o hunting de profissionais de TI, você pode contratar os serviços de uma empresa para fazer isso, como a Habittus – Gente & Gestão.

Independente do que você escolha, os dois processos começam da mesma forma: uma avaliação do que você quer do seu futuro colaborador de TI. E não só do que você quer agora, mas do que você pode requerer daqui a algum tempo! Só assim o departamento de RH ou a empresa contratada podem traçar um perfil do profissional ideal.

Lembre-se: seu objetivo não deve ser contratar o melhor profissional de TI, mas o melhor profissional de TI para a sua empresa.

Quando os perfis da vaga e do candidato estiverem bem estabelecidos, o processo de hunting começa. Ele se divide em três etapas auto-explicativas:

  1. Buscar
  2. Abordar
  3. Propor

Tanto a abordagem quanto a proposta acontecem mesmo que o profissional não esteja procurando por uma nova oportunidade. Hunting significa caçar, o que quer dizer que você pode, sim, tentar atrair os funcionários de outras empresas. Agora, justamente por que esse talento não estava buscando outro emprego, as duas últimas etapas requerem uma estratégia bem pensada por parte da equipe de RH responsável por elas.

Quanto mais experiente for o headhunter, como são chamadas as pessoas encarregadas dessa tarefa tiver, melhor!

3 Dicas para um hunting de TI de sucesso!

Se você leu este artigo com atenção, vai perceber que muitas dicas para um hunting de TI de sucesso aparecem em cada uma das seções.

No entanto, vamos destacar 3 dicas igualmente importantes para que isso aconteça!

E são coisas que você pode fazer durante o hunting ou, melhor ainda, antes dele para aumentar suas chances de sucesso.

São:

Networking

O bom networking é imprescindível para um hunting de sucesso.

A melhor forma de encontrar os melhores talentos é saber onde esses talentos estão. Ou, no mínimo, como chegar até eles!

Nesse sentido, você precisa de um departamento ou uma empresa de RH que tenha cultivado sua rede de contatos com o passar do tempo e/ou um headhunter que saiba desenvolver a estratégia certa para chegar nesses profissionais.

Transparência

Como você está indo atrás de um profissional que está, a princípio, contente onde está, a equipe de RH que contatá-lo deve ser o mais transparente possível sobre a vaga, o ambiente de trabalho, as expectativas do contratante etc.

Certifique-se de que o colaborador em que sua empresa está interessada não tenha dúvidas no final das conversas.

Assim, vocês dois evitam uma dor de cabeça causada por maus entendidos no futuro.

Faca um teste

Currículos podem mentir ou estar desatualizados. Por isso, independente da forma como o profissional chegou até você, seja por meio de um processo seletivo tradicional ou via headhunter, conduza um teste das habilidades dele.

Você não só vai conseguir averiguar as habilidades dele como também poderá tirar quaisquer dúvidas quanto ao nível delas.

Por exemplo, pode ser que o inglês de uma pessoa seja intermediário ao invés de avançado ou fluente. E a fluência é imprescindível para as tarefas da posição oferecida.

Nesse caso, é bom que você descubra isso antes do que depois de contratá-lo!

O processo de hunting de profissionais de TI pode ser trabalhoso e é um trabalho que requer experiência, mas quando feito da maneira certa, pode render ótimos resultados! Caso tenha interesse em saber mais sobre esse processo, entre em contato conosco.

Shopping Basket