Imagem1

Experiência do Candidato: Como Melhorar o Processo de Recrutamento e Seleção

Tempo de leitura: 4 minutos

Quando falamos de um processo de recrutamento e seleção, é comum que a maioria das pessoas não pense muito na experiência do candidato. No entanto, em uma época em que a reputação de um indivíduo, bem como a de uma empresa, pode ser elevada tão rápido quanto destruída graças às redes sociais, esse tópico se tornou mais importante do que nunca!

Neste artigo, vamos falar um pouco sobre esse assunto e mais, mostrar que existem muitos benefícios para você. Para facilitar sua leitura, dividimos o texto da seguinte forma:

  • O que é experiência do candidato?
  • Qual é a importância da experiência do candidato?
  • Quais as vantagens de uma boa experiência em processos seletivos?
  • Como garantir uma boa experiência durante processos seletivos?

O que é experiência do candidato?

O termo “Experiência do Candidato” é uma tradução literal de “Candidate Experience”, na expressão original, em inglês. E é algo que engloba toda a vivência entre um candidato à vaga X e a empresa da vaga X. Ou seja, a partir do momento em que um profissional vê a oferta de uma vaga, inicia-se uma relação, quer queiram ou não, entre o candidato e a empresa.

Se o candidato for contratado, a experiência termina por aí. Afinal, ele não é mais um candidato, não é?

Caso o candidato não consiga a vaga na qual estava interessado, lembre-se que a forma como você irá informá-lo disso também é muito importante! Os colaboradores – em especial, os que não foram contratados – vão prestar ainda mais atenção na forma como uma empresa os trata no final do processo.

Agora, você pode estar se perguntando: “Será que vale a pena se preocupar tanto com a opinião de profissionais que você pode nunca mais ver?” A resposta é sim, claro que vale. E nós vamos te mostrar a razão disso!

Qual é a importância da experiência do candidato?

O alcance das mídias sociais, como mencionado anteriormente, tem um impacto muito maior sobre as empresas hoje em dia. Elas podem ser uma forma de destruir algo construído com dificuldade: a reputação de uma marca.

Não é só seu cliente com quem você deve se preocupar, seus colaboradores ou colaboradores em potencial também merecem atenção.

Uma reputação questionável não fará só seus clientes questionarem se querem ou não fazer negócios com você, mas irá impactar o tipo de profissional que se candidata para trabalhar na sua empresa. Afinal, seu processo de seleção e recrutamento vai dar o que falar – caso falem mal, seus concorrentes podem começar a receber currículos que antes seriam enviados para você!

Nós falamos um pouco do lado negativo de não pensar na experiência do candidato, mas vamos falar dos benefícios de uma dinâmica positiva?

Quais as vantagens de uma boa experiência em processos seletivos?

A primeira, claro, é que você pode melhorar a imagem da sua empresa. Não só junto aos candidatos, mas aos seus familiares, amigos, colegas, etc. É normal que as pessoas contem sobre processos importantes em suas vidas e processos seletivos costumam se enquadrar nessa categoria!

Outra vantagem é que uma empresa com boa reputação costuma ser mais cobiçada. Assim, você se assegura de que os melhores candidatos vão estar interessados em trabalhar com você. Afinal, todo mundo gosta de trabalhar em locais em que sabem que existem mais chances de serem bem tratados!

Além disso, ao evitar que o recrutamento e seleção da sua empresa sejam longos, por exemplo, você pode diminuir a perda de talentos para concorrentes. Como assim? Embora você vá ver isso em mais detalhes à frente, explicamos: quanto mais tempo dura o processo seletivo da sua empresa, mais os candidatos vão enviar seus currículos para outras empresas.

Convencido de que é necessário prestar atenção em como uma empresa lida com as pessoas que querem trabalhar nela? Se sim – ótimo! Agora, vamos falar sobre como garantir que tudo flua bem para os possíveis colaboradores!

Como garantir uma boa experiência durante processos seletivos?

Existem muitas formas de garantir uma boa experiência para o candidato em processos seletivos, algumas delas não só são simples como estão ao seu alcance nesse exato momento:

  • Facilite o processo de cadastramento à vaga. Quanto menos impeditivos burocráticos ou tecnológicos existirem entre o momento em que o candidato vê a vaga e o em que ele envia o currículo, melhor. Então, por exemplo, não coloque informações desnecessárias na descrição da vaga e não peça informações demais do candidato.
  • Seja transparente sobre as etapas do processo. Pode parecer óbvio, mas é importante que o candidato saiba quantas etapas existem para além da análise de currículo, será preciso fazer um teste de português ou de raciocínio lógico? Seja claro sobre isso! Assim, ele vai saber em que pé está.
  • Dê um retorno aos candidatos. A sensação de não saber pode ser muito pior do que ouvir uma rejeição. Por isso, certifique-se de informar a todos os candidatos, independente da etapa em que estão, se eles vão seguir para a próxima fase ou não.
  • Ofereça o feedback em tempo hábil. Talvez você não consiga dar um retorno sobre o desempenho do candidato devido ao número de pessoas que enviaram currículo, mas sempre que for possível, o faça. E o faça em até uma ou duas semanas para não incorrer no erro anterior.
  • Apresente os valores e a missão da empresa. Às vezes é importante saber mais do que só as funções que uma pessoa vai desempenhar no horário de trabalho. É preciso que ela se identifique com os valores centrais do local de trabalho para saber se quer ou não trabalhar em determinado local. Então, não deixe para depois!
  • Não esqueça de que você está entrevistando uma pessoa. Pode ser fácil esquecer que existe um ser humano do outro lado do documento Word/PDF, mas é verdade. Então, trate-o como você gostaria de ser tratado. Não deve ser difícil – um dia você também foi a pessoa do outro lado da mesa, não é?

Quer saber mais sobre experiência do candidato e como é possível melhorar o processo de seleção e recrutamento dentro da sua empresa? Entre em contato conosco, da Habittus – Gente & Gestão, e nós vamos esclarecer quaisquer dúvidas!