Como Saber Se O Coaching é Para Você? Descubra Agora

Como saber se o coaching é para você? Descubra agora

(tempo de leitura: 3 minutos)

No ambiente corporativo o coaching é indicado para pessoas com as seguintes atitudes mentais:

  • Sabem exatamente onde querem chegar e reconhecem que precisam de aprimoramento para atingir os objetivos.
  • Entendem que mudanças positivas geram benefícios para eles e para a equipe.

Além disso, o coaching pode ser muito eficaz para empresas com o cenário abaixo:

  • Para líderes que necessitam lidar com as atribuições e novas responsabilidades de uma promoção.
  • Processos de mudança e novos fluxos de trabalho.
  • Períodos de crescimento e novos desafios.
  • Desenvolver formas diferentes de lidar com velhos problemas.

O ponto de partida do profissional que trabalha com coaching é analisar junto com o cliente a situação atual (ponto A) e a situação ideal ou desejada (ponto B) e o que fazer para diminuir a distância entre o ponto A e o ponto de B.

Para que isso seja possível, o coach (profissional habilitado) estabelece uma parceria de total confiança com o coachee (cliente) para que juntos definam metas e o planejamento da rota de ação que levará o cliente para a realização do objetivo.

Agora vamos fazer um exercício rápido para identificar se você precisa de coaching. Pense na sua vida pessoal e profissional, como você avalia cada um dos aspectos abaixo de 0 a 10?

Controle emocional: Qual a sua avaliação diante da necessidade de equilibrar e regular as emoções em situações de estresse? Sente-se constantemente esgotado mentalmente e fisicamente?

Planejamento: Quanto você se dedica a planejar a sua rotina diária e organizar o seu dia, sua semana e seu mês? Consegue ter tempo de qualidade com a família ou amigos ou sente que faltam horas no seu dia para fazer tudo o que precisa?

Relacionamento com pessoas: Como você se avalia em relação ao convívio com outras pessoas e ao seu jeito de construir bons relacionamentos? No geral, as pessoas gostam da sua presença?

Comunicação: Como está o seu poder de comunicação, de ser entendido e de entender as respostas dadas pelas pessoas, sejam elas seus clientes, colaboradores, parceiros ou familiares?

Satisfação pessoal: Qual é o seu nível de satisfação pessoal com os resultados da sua vida?

Como foram suas notas?

Resultados com avaliação abaixo de 8 indicam que as coisas podem e devem ser melhoradas.

Será que você está utilizando todo o seu potencial para realizar seus sonhos e objetivos ou se contentou com o nível mediano, e vive conformado com as coisas que acontecem, sem acreditar que dá para fazer mais e melhor?

O coaching pode ajudar pessoas que queiram (queiram de verdade) atingir altos níveis de realização pessoal e profissional.

Quer saber mais? Agende sua sessão experimental pelo e-mail: habittus@habittus.com.br

Luisa Reis – Diretora Comercial & Coach 

Imagem Artigo O Pape Aqgtd Scaled

O papel da Consultoria de RH nas Micro e Pequenas Empresas

Toda empresa, seja ela pequena, média, grande ou multionacional, precisa de uma área ou suporte profissional para gerenciar os recursos humanos. Seja para realizar a administração de pessoal (pagamento dos funcionários, organização dos processos de admissão e demissão, controle de jornada etc) ou formatar os programas de treinamento e desenvolvimento, atração e seleção de talentos e demais ações com foco pessoas. No caso de empresas maiores, com um número expressivo de funcionários, a área de recursos humanos é essencial para gerenciar os colaboradores com qualidade.

Porém, ao contrário do que muitos pensam, o suporte profissional na área de gestão de pessoas também é fundamental em empresas de pequeno e médio porte, como startups, por exemplo. Confira abaixo como uma consultoria especializada pode dar suporte para o seu pequeno negócio:

Elaborar, organizar e mapear processos

A gestão dos recursos humanos é essencial para que uma empresa cresça de forma estruturada. No caso de empresas pequenas, a criação de uma base organizada ajuda que ela cresça de forma gradativa e planejada. Nesse cenário, a consultoria de RH pode ajudar no gerenciamento tanto de pessoas quanto de processos burocráticos como folha de pagamento, contratos, entre outros.

Uma empresa que cresce sem processos bem estruturados tende a sofrer muitas perdas durante a sua expansão, inclusive de dinheiro.

Cumprir a Legislação

Numa startup ou numa empresa de pequeno porte, é comum vermos apenas os empresários cuidando da parte burocrática da organização. Porém, caso o empreendedor não tenha experiência em Gestão de Recursos Humanos, pode ser que o cumprimento das leis trabalhistas esteja comprometido.

Uma ação trabalhista pode custar muito caro para uma empresa que ainda está se inserindo no mercado. Por isso, a Consultoria é extremamente necessária em empresas que possuam até 5 funcionários. É ela quem analisa e garante os direitos dos seus empregados tudo conforme as leis trabalhistas.

Reter talentos

Além da parte burocrática, a Consultoria de RH é fundamental nas pequenas empresas para identificar e reter talentos. Muitas vezes os empresários estão extremamente ocupados com o gerenciamento do negócio e não têm tempo para conhecer e analisar os perfis profissionais já alocados na empresa. Com o olhar focado no futuro, esses empresários podem não identificar insatisfações e assim acabar perdendo profissionais por descaso.

A Consultoria de RH pode auxiliar os empreendedores nessa importante tarefa. Além de gerenciar o clima organizacional, consegue, ainda, identificar as necessidades dos colaboradores e assim alertar e negociar com os diretores em casos de contraproposta, por exemplo.

Intermediar as relações

Já que falamos em negociação, a Consultoria de RH dentro das pequenas empresas é responsável por intermediar as relações entre donos e funcionários, diferentemente das empresas maiores, onde os coordenadores, diretores e líderes são quem transmitem as mensagens dos CEO’s aos outros colaboradores.

Nas empresas menores, onde não existe tanta hierarquia, a Consultoria de RH é a principal responsável por transmitir os valores e propósitos da organização aos funcionários.

Planejar uma expansão

A Gestão de RH precisa ser cada vez mais estratégica. No caso das pequenas e micro empresas, essa necessidade é ainda maior. Imagine que uma startup esteja planejando a criação de um novo aplicativo ou software para um determinado segmento. A Consultoria de Recursos Humanos vai ajudar a olhar para dentro e otimizar as competências já existentes na equipe e buscar no mercado as habilidades necessárias para a execução do projeto.

Gostou de saber como uma consultoria de RH é fundamental nas micro e pequenas empresas?

Compartilhe sua opinião conosco! E não deixe de curtir a nossa página no Facebook.

Luisa Reis
Diretora Comercial & Coach na Habittus Gente & Gestão
[TheChamp-Sharing total_shares="ON"]